MiG-29, um dos melhores caças de superioridade da era soviética

MiG-29 “Fulcrum”, um dos melhores caças de superioridade da era soviética

MIG-29 . Foto: Divulgação
MIG-29 . Foto: Divulgação
MIG-29 . Foto: Divulgação

O Mikoyan MiG-29 (codinome na OTAN Fulcrum ) é um caça de superioridade aérea .

Desenvolvido no início da década de 1970, entrou ao serviço da União Soviética em 1982 e mantem-se operacional até os dias de hoje na Força Aérea Russa, Polonesa, Ucânia e mais países para onde foi exportado.

+ Polônia promete enviar todos os seus MIG-29 para a guerra na Ucrânia
+ Rússia divulga vídeo que mostra o módulo russo se separando da ISS
+ EUA mostram melhoria em sua maior bomba não-nuclear a GBU-57

Neste sentido, o elevado custo de manutenção tem levado a Força Aérea Russa e outros países como a Hungria a tentar se livrar de seus Mig-29, entretanto poucos países têm demonstrado interesse na aquisição destes equipamentos.

MIG-29 . Foto: Divulgação
MIG-29 . Foto: Divulgação

O MiG-29 representou uma evolução considerável em termos de sensores ofensivos e armamentos em relação aos equipamentos soviéticos anteriores.

Construído para abarcar o sistema de tiro RLPK-29 – que compreende o radar N019 “Rubin”, com capacidade de detecção de alvos de até 100km – o MiG-29 tem uma atuação muito mais independente em relação ao controle de interceptação de solo do que modelos predecessores.

Um sistema único para época, o OEPrNK-29 (S-31), que compreende o sistema eletro-óptico de aquisição de alvos OEPS-29, acoplado a tela no capacete Shchel’-3UM, permite ao piloto detectar e travar alvos sem emitir ondas de radar. Uma vantagem tática já que permite um ataque furtivo a outras aeronaves.

Defensivamente o MiG-29 conta com sistema de detecção de emissões de radar SPO-15LM Beryosa e o sistema de identificação amigo-inimigo (IFF) STR-700. O sistema BVP-30M é responsável pelas contramedidas de mísseis guiados a infravermelho e a radar.

+ Cópia russa de BMW da Segunda Guerra faz sucesso em edição atualizada
+ Vídeo: Rússia apresenta a versão não tripulada do Checkmate, seu caça a jato de quinta geração
+ Jogador brasileiro bate em árvore e destrói McLaren de R$ 3,25 milhões

O armamento padrão do MiG-29 é constituído de um canhão interno de 30 mm GSh-301 com 150 munições.

O caça também possui seis estações para armamentos sob as asas para mísseis ar-ar de curto alcance e guiados por infravermelho, como o Vympel R-60 e o Vympel R-73 , assim como mísseis de médio alcance guiados por radar, como o Vympel R-27R/T.

As versões modernizadas da aeronave, como o MiG-29M e MiG-29STM, podem levar mísseis de radar ativo Vympel R-77 com alcance de 110 km

Vympel R-77 . Foto: Wikipedia
Vympel R-77 . Foto: Wikipedia

.
Apesar de ser um caça e graças ao sistema de armamentos SUV-29, o MiG-29 também é capaz de realizar ataque ao solo utilizando bombas e foguetes não guiados.

As variantes mais recentes são capazes de levar armas ar-solo guiadas, como os mísseis Vympel Kh-29 e míssil anti-radar Vympel Kh-31P .

  • arrow