Novo McLaren Elva, um brinquedo de 804 cv que chega a 320km/h, sem para-brisa - Carro e motos

Novo McLaren Elva, um brinquedo de 804 cv que chega a 320km/h, sem para-brisa

Novo McLaren Elva, um brinquedo de 804 cv e sem para-brisa

Novo McLaren Elva, um brinquedo de 804 cv e sem para-brisa

O nome provavelmente não será familiar, mas se refere a gama de carros esportivos da McLaren-Elva que foram desenvolvidos a partir dos carros Can-Am que a McLaren correu com enorme sucesso no final dos anos 1960.

Foram desenvolvidos a partir dos carros Can-Am que a McLaren correu com enorme sucesso no final dos anos 1960.
foram desenvolvidos a partir dos carros Can-Am que a McLaren correu com enorme sucesso no final dos anos 1960.

O Elva fará parte da Ultimate Series da McLaren, o mesmo clube exclusivo que nos deu Senna , Speedtail e P1. A McLaren afirma que será capaz de atingir de zero a 100 km / h em menos de 3 segundos.

• Após saída de Maju , Globo estreia nova apresentadora
• Pat Beijo, apresentadora infantil dos anos 90 esta bem diferente, confira!
• Anitta compartilha clique de topless e brinca com os seguidores: ”Só plásticas”
• Posto russo oferece combustível grátis a quem estiver de biquíni — e leva uma surpresa

A potência vem da nova versão do V-8 de dois litros e turboalimentado da McLaren, que produz 804 cavalos de potência. Este motor passa por uma caixa de câmbio automática de sete marchas e o Elva e tração traseira.

Não temos uma relação potência / peso final, mas a McLaren promete que o Elva pesará menos que o McLaren Senna e será o carro de rua da McLaren Automotive mais leve de todos os tempos.

Apesar da falta de um para-brisa, o Elva protejerá seus ocupantes do fluxo de ar
Apesar da falta de um para-brisa, o Elva protejerá seus ocupantes do fluxo de ar

Apesar da falta de um para-brisa, o Elva protejerá seus ocupantes do fluxo de ar usando o que é descrito como um sistema ativo de gerenciamento de ar. Isso coleta o ar de alta pressão na frente do carro e o canaliza sobre a grade dianteira e sobre o cockpit para criar “uma relativa bolha de calma”. Suspeitamos que a palavra “relativa” seja o importante aqui.

Quando ativo, um defletor na borda anterior do exaustor sobe 5,9 polegadas para criar uma zona de baixa pressão para que essa ventilação opere. O sistema funciona automaticamente à medida que a velocidade aumenta, mas também pode ser desligado manualmente para os motoristas que desejam experimentar o efeito total de um fluxo de ar de 320km/h.

Veja também:
• Vespa Club 125 chega ao Brasil ainda neste ano por cerca de R$ 14 mil
• Ferrari apresenta o novo “Roma” com um V8 de 620 CV de potência.
• Lista de carros PCD 2019/2020
• Salão Duas Rodas 2019: veja guia com preços, atrações, horários e como chegar
• Kawasaki Ninja H2 SX SE+ chega em dezembro por R$ 139.990

  • arrow