Nova KTM RC 390 2022 chega com 44 cv, novas cores e design mais esportivo - Carro e motos

Nova KTM RC 390 2022 chega com 44 cv, novas cores e design mais esportivo

KTM RC 390 2022. Foto: Divulgação
KTM RC 390 2022. Foto: Divulgação
KTM RC 390 2022. Foto: Divulgação

A KTM RC 390 2022, que chegará às concessionárias em março do próximo ano (Por enquanto o Brasil está fora desta lista) totalmente renovada, com uma nova estética, um motor totalmente adaptado ao Euro 5 com 44 CV de potência. A isso deve ser adicionado uma redução de peso considerável e muita tecnologia como a de sua nova tela TFT com conectividade via app.

+ Linha Yamaha XMax ABS 2022 é lançada pelo preço de R$ 25.990
+ 26 curiosidades sobre a Porsche
+ Veja as 10 motos esportivas mais emplacadas do Brasil em 2021

KTM RC 390 2022. Foto: Divulgação
KTM RC 390 2022. Foto: Divulgação

A primeira coisa que se destaca na nova KTM RC 390 2022 são as novas cores. Usando a gama cromática que sempre caracterizou a marca austríaca (laranja e azul), eles variaram em diferentes tons e combinações criando uma paleta única. As cores com as quais você pode escolher este modelo variam entre o laranja-azul ou totalmente laranja.

Mas a estética não se concentrou apenas nas cores. Ele também abandonou o farol duplo em sua frente para usar uma lente simples com tecnologia Full-LED que permitiu melhorar a aerodinâmica. Isso se deve ao uso de um projeto de dinâmica de fluidos computacional semelhante ao usado por algumas equipes de F1.

KTM RC 390 2022. Foto: Divulgação
KTM RC 390 2022. Foto: Divulgação

Esta nova forma de conceber o produto corrigiu algumas falhas que sempre lhe foram atribuídas, como a protecção contra o vento ou a gestão calórica do motor . Para melhorar este último ponto, passou a contar com uma combinação de painéis que desviam o ar quente para fora da carroceria, mantendo as temperaturas elevadas longe do ciclista.

Continuando com a análise externa, sua traseira foi reduzida ao mínimo. Deixando o sobrechassi colorido e causando uma sensação de leveza. Uma leveza que realmente possui, já que seu novo chassi ultraleve multitubular conseguiu reduzir seu peso em 1,5 kg em relação ao anterior.

Outra melhoria em que foi dada ênfase especial foi em sua ergonomia. Sua área central foi estreitada para permitir um melhor ajuste dos joelhos e os pedais avançaram alguns centímetros. Isso significou uma melhora em seu manuseio e agilidade nas áreas mais sinuosas dos circuitos ou passagens de montanha.

O tanque de combustível também ajudou a alcançar essa agilidade, apesar de ter aumentado sua capacidade para 13,7 litros.

Na parte mecânica, encontramos um motor monocilíndrico de 373 cc preparado para o Euro 5, refrigerado a água, com duas árvores de cames, quatro válvulas e injeção eletrônica de gasolina capaz de gerar 44 CV de potência . Além disso, para melhorar sua resposta ao acelerador e oferecer mais torque, a KTM modernizou seu sistema de admissão, dotando-o de uma caixa de filtro de ar 40% maior.

Para gerir a potência e não perder o controle, o KTM RC 390 recebe novos mapas do motor que melhoram a sua eficiência e permitem ainda a implementação do Quickshifter + . Também não podemos esquecer que agora inclui um sistema de escapamento novo e mais eficiente que teve seu design vinda da RC16. Possui coletores de aço inoxidável e um silenciador de alumínio que são muito atraentes para os olhos, mas mais para os ouvidos, graças ao seu som gutural.

A ciclística é outra que melhorou muito. Além de ter trocado o chassis por um ultraleve, as suspensões foram renovadas com molas WP ajustáveis. Seu garfo dianteiro agora apresenta um cartucho aberto ajustável WP APEX, com 30 cliques de ajuste para compressão na bengala esquerda e 30 cliques para extensão na direita. Na parte traseira, é equipado com um monoshock WP APEX ajustável.

Mas, sem dúvida, onde mais melhorou foi no design de suas rodas. Graças à sua nova construção em que abandona os raios e torna o aro mais leve, o seu peso foi reduzido em 3,4 kg em relação à geração anterior. Para os freios, foi escolhido um novo sistema ABS que traz a opção Supermoto e ABS em curva.

KTM RC 390 2022. Foto: Divulgação
KTM RC 390 2022. Foto: Divulgação

Para parar a pequena esportiva temos um disco de freio dianteiro de 320 mm e uma pinça Bybre de 4 pistão de montagem radial , enquanto na traseira usa uma pinça fixa de pistão único com um tamanho de 230 mm. Graças a isso, o conjunto reduziu o peso total em um quilo.

KTM RC 390 2022. Foto: Divulgação
KTM RC 390 2022. Foto: Divulgação

Eletronicamente, o KTM RC 390 de 2022 faz uso de vários sistemas de assistência à direção, como controle de tração MTC , ABS em curvas ou Quickshifter + opcional. Além disso, para ser informado em todos os momentos da situação da motocicleta, possui uma nova tela TFT colorida que adapta seu brilho à situação de luz e que é capaz de se conectar ao smartphone através do aplicativo KTM My Ride.

KTM RC 390 2022. Foto: Divulgação
KTM RC 390 2022. Foto: Divulgação

A nova KTM RC 390 2022 chegará às concessionárias da marca austríaca em março do próximo ano a um preço que ainda não conhecemos.

Ficha técnica KTM RC 390 2022

MOTOR
Tipo Motor monocilíndrico a 4 tempos.
Cilindrada 373 cc
Diâmetro x curso 89 mm x 60 mm
Potência maxima 44 cv
Torque máximo 37 Nm
Compressão  ND
Embreagem Embreagem antihopping PASC ™, acionada mecanicamente
Caixa de velocidade 6 velocidades
CHASSIS
Tipo Chassis multitubular de aço, revestido a pó
Suspensão dianteira Garfo invertido WP Apex ajustável Ø 43 mm
Suspensão traseira Monochoque WP Apex
Roda da frente 110 / 70-17
Roda traseira 150 / 60-17
Freio dianteiro Disco de 320 mm com pinça de quatro pistões montada radialmente. ABS de dois canais Bosch 9.1 MP (Supermoto ABS)
Freio traseiro Disco de 230 mm com pinça flutuante de pistão único.
DIMENSÕES E PESOS
Comprimento ND
Distância entre eixos  ND
Largura  ND
Distância ao solo 158 mm
Altura do assento 824 mm
Peso seco 155 kg
Depósito 13,7 litros
PREÇO  ND
  • arrow