Mustang Shelby GT500 o carro de série mais potente da Ford - Carro e motos

Mustang Shelby GT500 o carro de série mais potente da Ford

Para tornar o novo Shelby GT500 o Mustang de rua mais rápido de todos os tempos, a Ford Performance criou um conjunto de motorização exclusivo que atinge novos níveis de potência e torque.

Mustang Shelby GT500
Mustang Shelby GT500

“Com sua motorização de supercarro, o novo Shelby GT500 leva o Mustang de sexta geração a um nível de desempenho antes reservado somente a veículos fora de série”, disse Hermann Salenbauch, diretor global de programas de veículos da Ford Performance. “Como um Mustang, ele tem de ser capaz de competir com categorias superiores de preço. Por isso, criamos um novo padrão entre os carros de performance americanos, com o motor V8 de rua mais potente já produzido, além de uma transmissão que tem as trocas mais rápidas já oferecidas na linha para o máximo de precisão e velocidade.”

O Shelby GT500 é equipado com um motor 5.2 supercharged de liga de alumínio, montado à mão.
O Shelby GT500 é equipado com um motor 5.2 supercharged de liga de alumínio, montado à mão.

O Shelby GT500 é equipado com um motor 5.2 supercharged de liga de alumínio, montado à mão. Para manter o ar de admissão mais frio e obter um centro de gravidade mais baixo, a equipe inverteu um compressor de 2,65 litros com intercooler ar-líquido, engenhosamente instalado no vão do motor V8.

Como no Shelby GT350, seu bloco de liga de alumínio tem camisas de cilindro de peso reduzido e cabeçote de alumínio de alto fluxo, além de bielas forjadas maiores, sistema de lubrificação e dutos de resfriamento aprimorados. O cárter estrutural adiciona robustez ao conjunto e reduz vibrações, com um sistema de circulação ativo patenteado para manter o óleo onde ele é necessário.

Bloco de liga de alumínio tem camisas de cilindro de peso reduzido e cabeçote de alumínio de alto fluxo
Bloco de liga de alumínio tem camisas de cilindro de peso reduzido e cabeçote de alumínio de alto fluxo

Para levar a potência e o torque ao exclusivo eixo de transmissão de fibra de carbono, a Ford Performance usou o conhecimento de calibração do sistema de dupla embreagem do Ford GT. A equipe escolheu uma transmissão de dupla embreagem TREMEC de 7 velocidades, capaz de fazer mudanças em menos de 100 milissegundos – muito mais rápida que qualquer caixa manual. Essa transmissão de dupla embreagem é projetada para operar com vários modos de direção, incluindo normal, chuva, esporte, arrancada e pista, além de recursos como o bloqueio das rodas dianteiras para aquecimento dos pneus traseiros (line-lock) e controle de arrancada por meio do sistema Track Apps.

Performance evoluída a partir do Ford GT e Mustang GT4

Para embalar a potência e o torque do Mustang mais poderoso já produzido para as ruas, a Ford Performance desenvolveu uma tecnologia de chassis ativo de ponta, com pneus Michelin e freios Brembo.

O Shelby GT500 conta com uma geometria de suspensão revisada, nova direção com assistência eletrônica e molas helicoidais dianteiras e traseiras de baixo peso. Além de suspensão ativa MagneRide de última geração, ele conta com as tecnologias mais avançadas de modos de direção da Ford Performance. O resultado é a maior aceleração lateral já alcançada em um Mustang, para melhor desempenho nas pistas e controle do motorista.

discos duplos de freio de 420 mm – os maiores de todos os cupês esportivos norte-americanos –, com Pinças Brembo maiores e mais rígidas, de seis pistões
discos duplos de freio de 420 mm – os maiores de todos os cupês esportivos norte-americanos –, com Pinças Brembo maiores e mais rígidas, de seis pistões

Para despejar toda essa potência no asfalto são usados dois tipos de pneus Michelin, com compostos e bandas de rodagem especiais: Pilot Sport 4S, personalizados da Ford Performance, e Pilot Sport Cup 2. O poder de frenagem é garantido por discos duplos de freio de 420 mm – os maiores de todos os cupês esportivos norte-americanos –, com pinças Brembo maiores e mais rígidas, de seis pistões. Com área de varredura 20% maior que a do Shelby GT350, esses freios têm mais de 30% de massa térmica adicional nas rodas dianteiras.

O novo Shelby GT500 conta com dois pacotes de opcionais voltados à performance. O “Handling Package” inclui suportes ajustáveis de montagem dos amortecedores ​​e spoiler com aba “Gurney”. Para os fãs mais extremos, há o “Carbon Fiber Track Packege”, com rodas de fibra de carbono aparente de 20 polegadas, rodas traseiras meia polegada mais largas (11,5 polegadas), pneus Michelin Pilot Sport Cup 2 personalizados, aerofólio ajustável GT4 e divisor de fibra de carbono aparente. O banco traseiro é eliminado para reduzir o peso.

Design funcional e desafiador da Ford Performance

O Shelby GT500 2020 tem um visual funcional e empolgante que transmite a sua capacidade dinâmica, desenvolvido por uma equipe multifuncional de designers, engenheiros da Ford Performance e colaboradores do automobilismo esportivo.

“Desde a grade dianteira dupla, com um fluxo de ar de resfriamento 50% maior que o do Shelby GT350, até os componentes aerodinâmicos e de força descendente mais avançados que já oferecemos, cada milímetro do Shelby GT500 tem como objetivo melhorar o desempenho”, disse Melvin Betancourt, gerente de design da Ford.

A grade com aberturas grandes e o capô musculoso contribuem para o design aerodinâmico e agressivo do Shelby GT500, inspirado nos modernos caças a jato. Os para-lamas dianteiros mais largos, com rodas especiais de 20×11 polegadas, são proporcionalmente alinhados aos para-lamas traseiros, que alojam rodas de 20×11,5 polegadas. O novo spoiler traseiro e o difusor traseiro feito com novos materiais compostos contribuem para melhorar o gerenciamento térmico.

A grade com aberturas grandes e o capô musculoso contribuem para o design aerodinâmico e agressivo
A grade com aberturas grandes e o capô musculoso contribuem para o design aerodinâmico e agressivo

A equipe utilizou o centro técnico da Ford na Carolina do Norte e o seu túnel de vento – onde as equipes de corrida de topo fazem testes – para aperfeiçoar o design do Shelby GT500. Suas aberturas dianteiras são duas vezes maiores comparadas às do Shelby GT350 e há também seis trocadores de calor para aumentar o fluxo de ar em mais de 50%. O grande respirador no capô com aletas, de 31×28 polegadas, conta com uma bandeja de chuva removível de alumínio para melhorar a extração de ar e aumentar a força descendente.

Qualidade, tecnologia e conforto do motorista

cockpit do Shelby GT500
cockpit do Shelby GT500

O cockpit do Shelby GT500 foi projetado especialmente com materiais premium inspirados nas competições e acabamento exclusivo, dignos do seu prestígio mundial. Seus detalhes de alta classe incluem um aplique de fibra de carbono exposta no painel de instrumentos e paineis de porta com inserções de camurça Dark Slate Miko de costura aparente. Os bancos de corrida Recaro com apoio lateral firme e passagem para ancoragens de segurança oferecem o mais alto nível de desempenho. Para os que procuram ainda mais conforto, são disponíveis bancos com ajuste elétrico e apliques de camurça Miko.

Painel
Tudo isso é controlado por meio da tela sensível ao toque de 8 polegadas da central multimídia SYNC 3, com rádio por satélite Sirius XM e serviço de conectividade FordPass Connect.

O novo Shelby GT500 tem painel de instrumentos com tela colorida de 12 polegadas e sistema de áudio premium de alto desempenho da B&O Play, opcional, com 12 alto-falantes. Tudo isso é controlado por meio da tela sensível ao toque de 8 polegadas da central multimídia SYNC 3, com rádio por satélite Sirius XM e serviço de conectividade FordPass Connect.

As novas cores do Shelby GT500 2020 incluem vermelho Hot, laranja Twister e prata Iconic, que também podem ser acompanhadas de listras esportivas.

Legado Shelby de alto desempenho

Shelby GT500 1967
Shelby GT500 1967

O piloto e empresário americano Carroll Shelby criou a reputação de transformar o Ford Mustang em máquinas de corrida. Em 1967, ele levou seu lendário Mustang GT350 a um nível ainda mais alto, produzindo o Shelby GT500 de primeira geração com um motor V8 modificado de 428 polegadas cúbicas, inspirado pela vitória do seu time com triplo pódio em Le Mans.

Carroll Shelby chamou o Shelby GT500 original de “o primeiro carro de verdade do qual eu estou realmente orgulhoso”. Hoje, esse legado continua com o Mustang Shelby GT500 2020 de terceira geração – o Mustang mais poderoso e avançado de todos os tempos.

  • arrow