Como é um pneu de F1 por dentro? - Carro e motos

Como é um pneu de F1 por dentro?

Você já se perguntou como é o interior de um pneu de F1? As grandes rodas de borracha são algumas das peças mais importantes de um carro de Fórmula 1, proporcionando todo o contato com a pista. Esse cara cortou um ao meio para ver exatamente do que é feito e voltou com alguns resultados interessantes.

Scott Mansell do canal Driver61 no YouTube colocou as mãos em um pneu Pirelli usado na F1, pegou uma serra circular e dividiu em dois, revelando os materiais internos que você normalmente não vê nas corridas.

O pneu parece ser feito de 3 seções principais: o talão onde ele fica preso a roda, a parede lateral e o patch de contato.

O talão é a seção mais espessa e menos flexível, usando bandas de aço embutidas na borracha para se prender à roda. Há também sulcos moldados na borracha para ajudar a segurar a roda em cenários de alta fricção, garantindo que o pneu não escorregue e gire em seu ponto de montagem.

A parede lateral é muito mais fina e feita exclusivamente de borracha. Ela é construído para flexionar sob alta carga.

O patch de contato é a parte que realmente toca a estrada, então ele precisa ser resistente o suficiente para lidar com os impactos (mas não tão forte que não possa flexionar). Tem bandas de aço finas por toda parte.

O pneu parece ser feito de 3 seções principais: o talão onde ele fica preso a roda, a parede lateral e o patch de contato.
O pneu parece ser feito de 3 seções principais: o talão onde ele fica preso a roda, a parede lateral e o patch de contato.

Mansell explica tudo aqui (vídeo em inglês), ao mesmo tempo inalando fumaça de pneus e tomando um banho de borracha queimada.

  • arrow